High School na Nova Zelândia

Resultado de imagem para new zealand

A Nova Zelândia é um país riquíssimo, não só em termos de paisagens naturais de tirar o fôlego, como também nos quesitos de cultura, educação e qualidade de vida – não é à toa que vem cada vez mais se destacando como um excelente destino para quem quer estudar fora. Entre brasileiros, principalmente, o curso de high school, equivalente ao ensino médio aqui no Brasil, é um dos mais populares e até mesmo se tornou a preferência dos pais e alunos ao invés do intercâmbio cultural, uma vez que os adolescentes tem a oportunidade de viajar, aprender o idioma e ter um incrível crescimento pessoal enquanto estudam as mesmas matérias na escola e, desta forma, não precisam perder aulas e se atrasar nos estudos quando retornarem para o Brasil.

Outro ponto positivo do high school é que os alunos estarão imersos no dia-a-dia, rotina e vida de um estudante neozelandês, o que significa que, além de absorver sua cultura muito mais rapidamente, o uso do idioma será constante e de uma forma mais natural do que em um curso de inglês tradicional. E, no futuro, isso poderá ainda ser uma grande vantagem ao adolescente ao entrar no mercado de trabalho.

Já um fato interessante para os pais é que um curso de high school de um ano na Nova Zelândia fica muito mais em conta que, por exemplo, os Estados Unidos ou Canadá – isso porque o dólar neozelandês é quase 30% mais barato que o dólar americano.

 

Resultado de imagem para new zealand

E com tudo que a Nova Zelândia tem a oferecer, o país começou inclusive a se igualar aos Estados Unidos e Canadá quando se trata de estudar fora, e os motivos são vários: é considerado um dos países com uma das melhores qualidades de ensino e possui até mesmo algumas das universidades de mais alto nível do mundo; tem clima tropical, parecido com o do Brasil, o que pode facilitar a adaptação para o jovem; possui uma forte influência britânica, sendo que Christchurch (uma de suas principais cidades) é considerada a cidade mais britânica do mundo fora da Inglaterra; é um lugar totalmente seguro para morar, tanto na questão de sua forte economia quanto de sua baixa criminalidade, pois tem o menor índice de corrupção do mundo; conta com cenários cinematográficos que garantem momentos inesquecíveis e atividades muito divertidas; e, para fechar com chave de ouro, neozelandeses são conhecidos por serem um povo honesto, simpático e receptivo.

O único ponto que geralmente preocupa os pais e estudantes é o fato de haver terremotos, mas, mesmo assim, ainda é considerado um lugar muito seguro devido à preparação e cuidado do país na hora de lidar com estes possíveis desastres naturais, diminuindo ao máximo qualquer tipo de risco a seus moradores ou turistas.

Entre em contato para saber mais sobre os programas de High School na Nova Zelândia!

Resultado de imagem para new zealand

10 imagens que vão te dar vontade de viajar para a Austrália

Com praias paradisíacas, ondas e paisagens alucinantes, ampla vida selvagem, vinícolas infinitas e cidades cheias de vida, a Austrália consegue a proeza de ser multifacetada o suficiente para agradar todos os tipos de público. A cerca de 24 horas de distância do Brasil, o país conquista o suficiente para você aguentar a viagem, sabendo das maravilhas que te aguardam.

É bem possível viver as férias dos sonhos num lugar onde o mar é tão azul e a natureza é tão presente, que as boas energias não faltam para se explorar ao máximo o diverso território australiano. Sydney é uma das cidades mais conhecidas do país, tornando-se um animado centro cultural ao longo dos anos. Outros lugares também ganham seu devido destaque: Melbourne é ideal para quem ama as artes; a sofisticada Brisbane atrai turistas que curtem a boa vida, enquanto Perth se destaca pelas praias e parques.

Falando em recursos naturais, lugares divinos e surreais surgem na Austrália, como é o caso da Tasmânia, região ainda provinciana em alguns aspectos e com inúmeros parques nacionais, lagoas e montanhas que beiram a perfeição. Pontos para mergulho é o que não falta, seja na Grande Barreira de Corais, em Ningaloo ou na Baía de Hervey. Isso tudo sem contar que a fauna consegue ir muito além de golfinhos, baleias, coalas e cangurus. Confira abaixo apenas 10 motivos para viajar ao outro lado do mundo e não querer mais voltar pra casa:

1. Golfinhos surfistas surgem vez ou outra para dar um olá. Na foto, a praia é Lennox Head, em Nova Gales do Sul. 

australia

Foto © 

2. Há muito para se ver em Melbourne, mas suas vielas e becos são cantinhos especiais da cidade. A expressão artística aflora em meio aos prédios, com diversos murais coloridos em Hosier Lane, Union Lane e Cocker Alley (abaixo), onde há obras de Banksy.

australia12

Foto via

3. Visto de cima, o país também surpreende. Na foto, as silhuetas do Lago Lewis. 

australia2

Foto © 

4. Viagens pé na estrada são item obrigatório na Austrália. Vale a pena dirigir pela Eyre Highway, na planície de Nullarbor, onde você vai encontrar paisagens de tirar o fôlego.

australia3

Foto © 

5. Gold Coast é ponto de encontro para praieiros e surfistas, em especial no bairro chamado Surf Paradise, onde há vida noturna animada.

australia4

Foto © 

6. Yarra Valley concentra mais de 80 vinícolas, de onde saem renomados vinhos pinot noir e espumantes australianos. A região ainda é conhecida por seus produtos frescos, incluindo o salmão de água doce, a truta e o caviar, frutas e vegetais orgânicos e queijos e geleias caseiras. 

australia6

Foto via

7. Sydney é uma cidade tão vibrante quanto sua icônica Opera House. Tem um pouco de tudo, desde montanhas até grandes shoppings, museus, praias e aquários marinhos. 

australia5

Foto © 

8. O Kakadu National Park, a três horas de Darwin, encanta por suas galerias de arte aborígene, pantanais, cachoeiras, nifeias, crocodilos e aves migratórias.

kakadu

Foto © Stoneography

9. A Tasmânia é onde a natureza realmente se consolida como algo divino, intocado e surpreendente. Montanhas, lagoas, praias de água fria, ruínas e vida selvagem são apenas alguns de seus atrativos. 

Foto © Mia e Matt Glastonbury

10. As estupendas Ilhas Whitsundays são um conjunto de 74 ilhas, rodeadas pela Grande Barreira de Corais. As praias remotas contam com águas cristalinas, palmeiras e areia branca, um verdadeiro paraíso é. 

whitsundays

Foto via

 

Fonte: Nômades Digitais

A era de ouro do skate na Califórnia em 1970

Fotografia | Locals Only: California Skateboarding 1975-1978

O skate surgiu em meados dos anos 60, porém bem antes disso, já existiam registros de surfistas que usavam as pranchas de madeira no asfalto, nos dias com poucas ondas. Mas o skate dos anos 70 chamou a atenção de crianças e adolescentes na Califórnia. Segundo a história, na década de 70, a cidade passava por uma seca muito grave e consequentemente os imóveis que tinham piscinas, passaram a deixá-las vazias, devido a esse problema.

O skate dos anos 70 na Califórnia ficou marcado pelas rodinhas fixadas em tábuas de madeiras bem rústicas, onde jovens se aventuravam e se divertiam pelas ruas da cidade, não demorando muito para o skate se tornar popular no mundo todo. O skate foi evoluindo aos poucos, se dividindo em diversas modalidades e se consagrando como um estilo de vida.

Hugh Holland, fotógrafo, morou Califórnia durante os anos 70 e 80 e fotografou durante os anos de 1975 e 1978 os moradores locais praticando skate e toda sua febre no período. Confira as fotos:

 

Canadá: o melhor país em qualidade de vida

Canadá é eleito o segundo melhor país do mundo, e o número um em qualidade de vida

Segundo o relatório divulgado no dia 20 de janeiro de 2016, no Fórum Econômico Mundial em Davos na Suíça, o Canadá foi eleito numero um na categoria qualidade de vida. Fatores como: mercado de trabalho, estabilidade política e econômica, família, igualdade de renda, segurança e qualidade dos serviços públicos, tais como o sistemas de saúde e escolas foram levados em conta.

No ranking geral, o Canadá ficou bem posicionado nos fatores como cidadania (igualdade de gênero, direitos humanos, liberdade religiosa), confiabilidade, empreendedorismo e como um país aberto para as categorias de negócios. O Canadá ficou atrás apenas da Alemanha, porém o país é elogiado pela sua diversidade, recursos e alto padrão de vida.

photo-1446855233636-c1acfc7ec18b

A lista contempla 60 países. Reino Unido conquistou o terceiro lugar, seguido dos EUA e Suécia. O Brasil aparece no 20º lugar.

Este é o ranking dos 10 melhores países de acordo com o US News & World Report, BAV Consulting e Wharton School:

  1. Alemanha
  2. Canadá
  3. Reino Unido
  4. Estados Unidos
  5. Suécia
  6. Austrália
  7. Japão
  8. França
  9. Holanda
  10. Dinamarca

Confira a lista completa: http://www.usnews.com/news/best-countries/rankings-index

 

A Cali te leva para o Canadá, entre em contato com a gente.

 

Fonte: MJ Consultoria